Impressões de um americano sobre a Inglaterra fazem sucesso na Internet

Retrato de Scott Waters. Foto: arquivo pessoal

O artista plástico estadounidense Scott Waters virou celebridade nas redes sociais, depois de publicar suas observações sobre uma viagem que fez à Grã-Bretanha. O americano esteve visitando o interior do país, indo a lugares como Gales e os condados de Leicestershire, Oxfordshire e Cornuália (Cornwall), e resolveu contar aos amigos o que “aprendeu” por lá.

Mais que simples impressões pessoais de um morador da Flórida, o relato de Waters traz uma visão de como os americanos veem seus “irmãos” ingleses e nos conta um pouco do que podemos encontrar em um passeio à terra da Rainha Elizabeth. Outro aspecto interessante é nos proporcionar uma reflexão sobre nossos próprios hábitos e cultura, comparando-os com os ingleses e dos americanos.

Resolvemos traduzir a publicação do viajante tentando chegar o mais próximo possível do significado original, mas vale lembrar que os EUA e a Inglaterra, além de dividir o mesmo idioma, são ligados historicamente (como Brasil e Portugal).

Para quem quiser ler, o post original ainda está publicado no Facebook. (Waters está adorando o rebuliço, por sinal.)

===

Eu estive na Inglaterra novamente algumas semanas atrás, principalmente em pequenas cidades, mas aqui está um pouco do que eu notei:

* Quase todo mundo é muito educado
* A comida é geralmente excelente
* Não há armas
* Há muitas escadas estreitas também
* Tudo é apenas um pouco diferente
* Os bares fecham cedo demais
* A razão de eles dirigem do lado esquerdo é porque todos os seus carros são construídos invertidos
* Pubs não são bares, são salas-de-estar comunitárias
* É bom você gostar de ervilhas, batatas e salsichas
* As geladeiras e máquinas-de-lavar são muito pequenas
* Tudo é geralmente mais antigo, menor e mais curto
* As pessoas não parecem ter medo de seus vizinhos ou do governo
* O dinheiro de papel faz sentido, as moedas não
* Todo mundo tem uma máquina de lavar roupa, mas as secadoras são raras
* Torneiras de água fria e quente. Lembram-se delas?
* Pants [calças] são chamadas de “trousers”, cuecas são “pants” e suéteres são “jumpers”.
* A luz do banheiro é uma corda pendurada no teto
* Fanny [pateta, bobalhão] é uma palavra maliciosa [pode significar “culhões” para os ingleses], tal como shag [“descabelado” para os americanos, mas pode significar “transar” para os britânicos]
* Toda a sinalização é bem desenhada, com tipografia bonita e escrita em frases completas com gramática correta
* Não existe nenhuma regra para você se vestir
* As portas fecham sozinhas, mas nem sempre abrem
* Eles comem com os garfos de cabeça para baixo
* O ingleses são loucos por seus jardins como os americanos são por seus carros
* Eles não parecem usar toalhas de rosto ou guardanapos, ou talvez eles apenas são menos lambões do que nós
* Todas as tomadas de parede têm interruptores, algumas não servem para nada
* Não há quase nenhum policial ou carro de polícia
* 5.000 anos atrás, alguém arranjou um monte de rochas por toda parte, mas ninguém sabe ao certo o porquê
* Quando você vê a polícia eles parecem estar em pares homem e mulher, e na maioria das vezes, sorrindo
* Os negros são apenas pessoas: elas não chegaram a ter escravidão aqui
* Tudo vem com batatas fritas, que são “French Fries” [americanos chamam de “potato chips”]. Se põe vinagre nelas
* Cookies [biscoitos] são “biscuits” e potato chips [batatas fritas] são “crisps”
* O molho HP é melhor que ketchup [o famoso molho HP ou “brown sauce” – molho marrom – é também feito de tomates, mas contém especiarias e vinagre]
* Obama é considerado um herói, Bush é considerado um idiota.
* Depois de peixe e batatas fritas, curry é a comida mais popular
* Os controles de água em chuveiros precisam de instruções detalhadas
* Eles fervem tudo
* As pessoas nem sempre põem travas nas suas bicicletas
* Não é incomum ver pessoas vestidas de maneira diferente e falando línguas diferentes
* Seus dispositivos eletrônicos irão funcionar bem com apenas um adaptador de tomada
* Quase todo mundo é mais bem educado do que somos
* Se alguém lhe comprar uma bebida, você deve fazer o mesmo
* Não há armas
* Olhe para direita, ande à esquerda. Mais uma vez; olhe para direita, ande à esquerda. De nada.
* Evite o vinho inglês e a cerveja francesa
* Não é tão difícil comer com o garfo na mão esquerda com um pouco de prática. Se você não fizer isso, todo mundo saberá que você é um americano
* Muitas das estradas são o tamanho de nossas calçadas
* Não existe ar condicionado
* Em vez de aumentar a calefação, se coloca um “jumper” [um suéter]
* “Gas” [gasolina] é “petrol”, custa cerca de US$ 6 por galão e é vendido em litros [na Flórida, o galão custa cerca de US$ 2, e os EUA é um dos únicos países do mundo que ainda usa o sistema imperial de medidas, originário da Inglaterra]
* Se você acelera na autoestrada, recebe uma multa. Ponto. Sempre
* Você não precisa dar gorjeta, mesmo!
* A Escócia, o País de Gales, a Irlanda e a Cornuália (condado) são realmente países diferentes
* Apenas 14% dos americanos têm passaporte, quase todo mundo no Reino Unido tem
* Você paga o preço marcado nos produtos porque os impostos (VAT) já estão embutidos
* Caminhar é o passatempo nacional
* A televisão deles tem melhor aspecto e soa muito melhor a nossa
* Eles tiraram as placas de rua durante a Segunda Guerra Mundial, mas não colocaram-as de volta ainda
* Todo mundo gosta de uma boa piada
* Não há armas
* Os cães são muito bem comportados e bem-vindos em todos os lugares
* Não há telas nas janelas
* Você pode entrar em um ônibus e acabar em Paris
* Todo mundo sabe mais sobre a nossa história do que nós mesmos
* Rádio ainda é um grande negócio. A BBC é muito boa
* Os jornais podem ser horríveis
* Tudo custa o mesmo, mas o nosso dinheiro vale menos então você tem que adicionar 50% ao preço para entender o que está pagando
* A cerveja vem em copos “pint” de verdade, grandes e completamente cheios e quanto mais próximo da cervejaria, melhor a cerveja
* Manteiga e ovos não são refrigerados
* A cerveja não é quente, cada estilo é servido na temperatura adequada
* Sidra é muito bom
* O consumo de sidra em excesso pode ser muito doloroso.
* A saudação universal é “Cheers” (pronuncia-se “tchí-as” a menos que você seja da Cornuália, nesse caso é “tchérs”)
* O dinheiro é fácil de entender: 1-2-5-10-20-50 centavos, 1-2 libras em moedas e 5-10, etc. libras em papel. Não há “quartos”.
* O dinheiro deles faz o nosso parecer como dinheiro do Banco Imobiliário
* Os carros não têm adesivos
* Muitos edifícios, ferramentas e maçanetas são mais velhos do que os Estados Unidos
* Por lei, não existem carros velhos e podres
* Quando a placa diz que algo foi construído em 456, eles não esqueceram o “1”
* O bolo é pudim, sorvete é pudim, tudo que é servido como sobremesa é pudim, até mesmo pudim
* BBC 4 é a NPR [rádio Cultura para os brasileiros]
* Tudo fecha por volta das 18:00 (6pm)
* Pouquíssimas pessoas fumam, as que o fazem frequentemente enrolam seu próprio cigarro
* Você é definido pelo seu sotaque
* Ninguém na Cornuália sabe o que diabos é uma ave-de-caça da Cornuália [Cornish Game Hen]
* O futebol é uma religião, a religião é um esporte
* Os europeus se vestem melhor que os britânicos, nós nos vestimos pior
* Os trens funcionam: um atraso de três minutos é lamentável
* Bebidas não vêm com gelo
* Há muito menos pessoas gordas inglesas
* Há muitos idosos saudáveis na rua participando da vida em vez de se esconder em casa assistindo TV
* Se você tem mais de 60, tem TV livre e passagens de ônibus e trem de graça.
* Eles não usam qualquer coisa Bose em todo o lugar
* Mostrar sua afiliação política ou religiosa é considerado de muito mau gosto
* Cada pub parece ter um animal de estimação bêbado
* Seu sistema de saúde funciona, mas eles continuam reclamando
* O bolo é um dos principais grupos de alimentos
* O café é medíocre, mas o chá é maravilhoso
* Continua não existindo armas
* Aquecedores de toalha!
* Cheers [Saúde!]

Deixe uma resposta